Muitos – ou todos – hão de concordar com essa lista dos 10 álbuns instrumentais que todo guitarrista deveria conhecer, afinal, esses discos já rodaram no player de praticamente todo músico que aprecia músicas instrumentais.

Essa lista não é sobre excelentes álbuns gringos. É sobre álbuns que são indispensáveis para qualquer guitarrista. Álbuns que influenciaram e influenciam músicos nos quatro cantos do mundo, principalmente os amantes da música instrumental onde a guitarra é a protagonista.

Ah… Fomos além e criamos uma playlist no Spotify, onde você encontrará todos os álbuns presentes nesse artigo.

Sem a mínima intenção de hierarquizar a lista por ordem de melhor ou pior (nem seria possível fazê-lo), confira abaixo os álbuns selecionados por nossa equipe. 👇

1 | Passion and Warfare – Steve Vai

Steve Vai é sem dúvidas um dos guitarristas mais importantes do mundo. Conhecer a fundo os álbuns do músico é quase que uma obrigatoriedade para os amantes da guitarra instrumental. Mas destaco aqui, o álbum Passion and Warfare, que contém a faixa “For the love of God”, música que  influenciou uma uma infinidade de pessoas a tornarem-se guitarristas.

2 | Surfing With the Alien – Joe Satriani

Surfing With The Alien foi o 2º melhor álbum dos anos 80, segundo a revista Guitar World. Assim como Steve Vai – que inclusive foi aluno de Satch -, o guitarrista tem suma importância na história da guitarra instrumental e é venerado por praticamente todos os guitarristas do mundo. “Always With Me, Always With You” é a faixa destaque e talvez a mais importante do álbum.

3 | Liquid Tension Experiment – Liquid Tension Experiment

LTE foi um projeto paralelo dos membros do Dream Theater, John Petrucci e Mike Portnoy. Neste álbum instrumental de progrock, John Petrucci mostra seu virtuosismo e talento em composições complexas, riffs poderosos e “intermináveis”. É quase como ouvir DT, mas sem o vocal de LaBrie. Sem dúvidas este é um álbum a ser digerido por guitarristas e músicos de todos instrumentos.

4 | Perpetual Burn – Jason Becker

Foi neste 1º álbum que Jason Becker com apenas 19 anos de idade, mostrou ao mundo o seu talento e habilidade, tanto nas composições quanto no domínio total do instrumento. Um álbum essencial pra guitarristas de rock e metal, onde a cada audição é possível extrair lições musicais e inspiração para tocar e compor.

5 | G3 Live in Concert – Joe Satriani, Eric Johnson e Steve Vai 

O álbum G3 Live in Concert não poderia ficar de fora. Lançado em 1996, o disco foi um crossover incrível destes dois excepcionais guitarristas, Steve Vai e Joe Satriani (já citados aqui) com Eric Johnson.

“Flying in a Blue Dream”, “For the Love of God” e “Manhattan”, são três das incríveis canções interpretadas ao vivo em performances arrasadoras. Só elas já valeriam o play, mas o restante das faixas não ficam para trás. Este é um álbum que com certeza tem que estar em sua playlist.

Curtindo o post? Temos muito mais!

Junte-se aos mais de 8 mil músicos que recebem nossos conteúdos

6 | Let’s Hide Away and Dance Away – Freddie King

Originalmente lançado pelo lendário selo King, ainda hoje é considerando um dos álbuns de guitarra mais influentes de todos os tempos e demonstra por que Freddie King é considerado um ícone da guitarra, e também por que posteriormente o guitarrista influenciou tantos artistas de blues, como Eric Clapton.

7 | Bad Benson – George Benson

Neste álbum, mesmo sem utilizar o seu famoso recurso vocal, a presença de Benson é evidente nas notas melódicas que aplica em sua guitarra. Os fraseados marcados pelo R&B com grandes influências do jazz e do blues chegam a induzir os ouvintes a cantarolar cada nota presente no álbum.

8 | No Gravity – Kiko Loureiro

Um dos maiores guitarristas brasileiros, Kiko Loureiro – mundialmente famoso por seu estilo melódico e virtuoso – mostrou a que veio já em seu primeiro disco solo, No Gravity. Sua criatividade como guitarrista, tornou esse, um dos discos de guitarra instrumental indispensáveis para músicos do mundo inteiro. Vai Brasil!

9 | Blow by Blow – Jeff Beck

Blow by Blow, o primeiro álbum instrumental lançado em 1975 pelo guitarrista Jeff Beck, alcançou a 4ª posição no ranking Billboard 200. Quem acompanha a fundo o trabalho do músico é capaz de perceber a forte identidade presente no disco. Aliás, falar em identidade musical na guitarra e não lembrar de Beck, é quase impossível. Destaque para a música “Cause We’ve Ended As Lovers”

10 | Coming To Your Senses – Frank Gambale

O álbum Coming To Your Senses de Gambale – que para alguns foi o inventor da técnica sweep picking – não poderia ficar de fora dessa lista (apesar de que, infelizmente, muitos ficarão), principalmente pelo fato de sua complexidade. Ao unir jazz, rock, blues e, inclusive, música brasileira com maestria, encontramos no disco o que podemos chamar de “O fusion perfeito”.

Acertamos?

O que achou da nossa seleção? Comente abaixo.

É claro que tem infinitos álbuns que poderiam ser listados aqui, mas podemos considerar essa lista como o passo inicial para se aventurar nesse universo da música instrumental.

Você também pode comentar algum álbum que, na sua opinião, deveria estar aqui.

Obrigado por ler! Fique agora com a playlist completa.