15 pensamentos que todo guitarrista deveria evitar

15 pensamentos que todo guitarrista deveria evitar

É muito comum que alguns guitarristas, principalmente os iniciantes, tenham uma visão deturpada de alguns aspectos relacionados à tocar guitarra.

Obviamente, não vamos generalizar. Mas é preciso estar atento, pois pelo menos um dos pensamentos descritos neste post já deve ter passado pela sua cabeça.

Inclusive, te convido a comentar (ao final do post) quais já passaram e se existe algum que não listamos aqui. Tópa? Ótimo!

Vamos à lista!

1 – Aprender guitarra demora muito

Na verdade, não! Aprender guitarra demora o tempo certo e tudo depende de onde você quer chegar, como e com quem você aprende e da sua dedicação.

Você pode aprender a sua primeira música em pouquíssimas horas. Se esse é seu objetivo, aprender guitarra é muito rápido! Se você quer ser um músico profissional, você precisará se dedicar mais e por mais tempo. A verdade é: Aprender guitarra demora muito apenas se você não aprende da forma correta.

2 – Não tenho talento

Esse é um pensamento muito comum entre alguns guitarristas. Principalmente com nos deparamos com os gênios das seis cordas. Parece que esses caras estão anos luz a nossa frente. Quando se deparar com uma situação assim, faça o exercício de pensar o quanto aquele guitarrista se dedicou para estar onde está.

Lembre-se, Thomas Edison disse que a genialidade é constituída por “10% de inspiração e 90% de transpiração”. Saia da zona de conforto.

3 – Preciso de muitos equipamentos (caros) para ser guitarrista

Equipamentos não fazem um bom guitarrista.

Se você pensa que sim, exorcize isso de sua mente o quanto antes. É claro que existem equipamentos que podem atrapalhar o seu aprendizado, por exemplo: uma guitarra que não afina ou que o ruído é mais alto que o som. Mas você pode, sim, ser um excelente músico com instrumentos básicos e baratos.

O ponto que quero chegar é: Não deixe de ser por não ter!

Confira o vídeo abaixo (em inglês) e tire suas próprias conclusões.

4 – Tocar sozinho em casa é o suficiente

Ok, ok! Não tem nada de errado nisso. Você pode ser um excelente “músico de quarto” – como tantos outros – e ser feliz assim.

A verdade é que existe um pensamento unânime entre todos os músicos, e ele é: É muito bom estar em um palco tocando para um público presente, e se for acompanhado de uma boa banda, melhor ainda.

Discorda? Mais uma vez, podemos trocar ideia lá nos comentários!

5 – Não preciso treinar o ouvido, existem tablaturas

Hummmm… Depende do seu objetivo com a música.

Se você pretende saber improvisar, acompanhar artistas, compor, entre tantas outras coisas e pensa assim. Desculpe, amigo! Você está completamente errado. Com esse pensamento, você fica escravo da tablatura. Sem ela, dificilmente você irá performar bem.

Tablaturas são ótimas aliadas no aprendizado e ajudam muito a tirar as músicas que amamos. Mas desenvolver o ouvido é imprescindível para todo guitarrista.

6 – Guitarrista bom, é guitarrista rápido

Você pensa assim? Então quero te fazer uma pergunta: B.B. King é um bom guitarrista? E Eric Clapton? Esses caras não são os guitarristas mais rápidos do mundo, mas são admirados por todos – inclusive pelos mais rápidos.

Não caia no erro de pensar dessa forma. Você pode ser um excelente guitarrista sem ser um shredder, e caso queira ser um, ok, foque nisso.

Está curtindo o post?

Receba em seu email lições, dicas e novidades sobre o Music Clan

7 – Não preciso saber harmonia, quero ser guitarrista solo

Aí está um outro grande erro. Primeiro vamos entender o que é harmonia. Em poucas palavras, harmonia é a combinação de sons simultâneos.

Entender harmonia te dará infinitas possibilidades. Ela é essencial para que você entenda as relações existentes entre os acordes, intervalos e escalas.

Aproveito para te convidar a ler um super post que fizemos aqui sobre Modos Gregos!

8 – Teoria musical não é importante e é chato

Você pode ser um bom músico sem saber teoria musical? Talvez sim, mas um músico completo, com certeza não. A teoria musical, nada mais é do que o estudo sistemático/organizado da música. Por meio dela, você tem a oportunidade de saber como as coisas funcionam.

O primeiro passo para você se livrar desse pensamento é apenas começar a estudar teoria musical, quando você perceber o quão ela é importante, com certeza você irá ver que não tem nada de chato nisso. Quer mais motivos? Então leia o post 5 motivos para começar a estudar teoria musical agora.

9 – Preciso soar perfeito

Não tem problema você querer tocar um solo perfeitamente, com o melhor timbre e a melhor performance. Quem não quer? O fato é que o perfeccionismo muitas vezes nos impedem de evoluir, de sair da zona de conforto e até de se divertir.

Não se cobre tanto, ele pode inclusive, bloquear a sua criatividade.

10 – Sou velho demais para aprender

Nunca é tarde demais para fazer qualquer coisa que sua mente e seu corpo permitem. Existem muitos músicos bem-sucedidos que começaram “tarde” (atenção para as aspas, hein!) e alcançaram atenção mundial. Mas o número de músicos que tiveram o mesmo êxito – musicalmente falando – e não estão na mídia, é com certeza, centenas e centenas de vezes maior.

Portanto se esse é o seu sonho e você tem condições de faze-lo, não caia no erro de pensar que é tarde demais. Comece o quanto antes e seja feliz!

Leia também: 4 motivos para voltar a estudar guitarra quando adulto.

11 – Não tenho tempo para me dedicar

Esse é, com certeza, o principal motivo que impede as pessoas de aprender e evoluir na guitarra.

Aqui no Music Clan, nós acreditamos profundamente que é possível contornar esse problema. Inclusive, temos alguns artigos em nosso blog que dão dicas incríveis para te ajudar com isso. Leia Por quanto tempo você deve estudar guitarra diariamente?Como se manter motivado a tocar guitarra todos os dias.

Acreditamos também que fazer cursos de guitarra pela internet, ajuda você a otimizar o seu tempo, pois você evita o deslocamento até a escola de música, e você pode assistir as aulas a qualquer momento.

12 – Sucesso é ser um rockstar renomado

Tudo bem você pensar assim se esse for o seu objetivo de vida. Mas para muitos, sucesso é apenas tocar guitarra bem. Para outros, saber tocar algumas dezenas de música já é um sucesso.

Esse pensamento também pode ser prejudicial em sua jornada. Preocupe-se em ser o seu melhor hoje, tente aprender algo novo todos os dias e entenda que isso já é sucesso. Esses são os meios para você alcançar um fim.

13 – Todas as músicas precisam de um solo de guitarra

Polêmicaaaa! Um grande erro que alguns músicos cometem, principalmente guitarristas (ok, alguns vocalistas também =0 ) é querer se sobressair na música. Tenha uma coisa em mente: ritmo, harmonia, solos, letras, timbres, entre outras coisas, são as “peças” que formam a música. O objetivo principal é a música. Se ela pede um solo, então coloque um solo. Se ela pede silêncio, não coloque nada.

Músicas são músicas, com solo ou não. Solos em músicas são lindos, mas não são regras. Use-os com moderação (e não me xinguem muito no twitter 🙂 )!

14 – Sou o músico mais importante da banda

Se você pensa assim, automaticamente você já não faz parte da banda. Como no item acima, a música é a mais importante e é incrível como ela traz em si um pouco de cada membro.

Por mais que você seja o líder, ou tenha mais habilidades musicais ou de composição, você faz parte de algo e não deve ter esse pensamento.

15 – Preciso estudar 10 horas por dia para ser bom

Isso também não é verdade. É claro que se você pode dedicar 10 horas por dia você irá acelerar o seu aprendizado. Faça isso! Só tome cuidado com as lesões.

Para ser bom, você precisa aprender da forma correta e se dedicar o máximo que puder, dentro dos seus limites de horário. Estude com frequência e os resultados virão.

O que achou?

Já pensou ou pensa de alguma dessas formas? Comente abaixo.

Nos diga também se, na sua opinião, tem algum outro erro típico que permeia a mente dos guitarristas. Será um prazer conversar com vocês.

Até a próxima!